O mundo das artes tem um novo gênio: Pigcasso, uma porca sul-africana que pesa mais de 200 kg e ficou famosa nas últimas semanas após ter seu dom para pintura revelado para o mundo.

Pigcasso foi resgatada de um frigorífico, quando já estava na fila do abate, com apenas quatro semanas de vida pela ativista animal Joanne Lefson. Ao resgatar o animal, Joanne o levou para sua fazenda, onde deu a ela diversos brinquedos, entre eles alguns pincéis, que eram os preferidos da porca.

A ativista então decidiu deixar também alguns potes de tinta e telas, para ver no que isso daria. Para surpresa dela, a porca começou a segurar os pinceis em sua boca, molhá-los na tinta e pintar.

Joanne então começou a guardar as pinturas do animal, quando a notícia se espalhou e colecionadores de todo o mundo começaram a querer comprar as pinturas, que são vendidas por 2 mil dólares cada, cerca de 6 mil reais.

“Não a obrigo nunca a pintar. Ele pinta quando quer “, disse Lefson à Caters News . “Muitas vezes, nós embalamos uma cesta de piquenique até a boca e ela se delicia com morangos orgânicos, goiabas e palha revestida de caramelo entre as pinceladas. Para Pigcasso, é simplesmente o paraíso do porco”, contou.

Neste momento, Pigcasso é a única porca pintora conhecida do mundo. Lefson espera que a fama decorrente de seu animal de estimação ser um artista convencerá mais pessoas de que os porcos são “animais excepcionalmente inteligentes” que merecem um destino melhor do que o matadouro. Ela espera que “as melhores galerias de Nova York e Paris” possam exibir um dia a arte da sua porca.